sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

12 Horas Sebring:AC Cobra Shelby 427 (1963)


Carroll Shelby teve um notável impacto sobre a competição e design automóvel ao longo dos últimos 50 anos. Iniciando-se como amador, Carroll brevemente era piloto de automóveis como o Cad-Allard, Aston Martin e Maserati equipas durante a década de 1950. Conduzindo para Donald Healey, com um especialmente modificado, Austin-Healey 100S, alcançou 16 recordes de velocidade nos E.U. Fazendo equipa com Roy Salvadori, e conduzindo um Aston Martin, ganhou em 1959 24 Horas de Le Mans. No Monte Washington Hillclimb Auto Corrida num especialmente preparado Ferrari roadster, alcançou um recordede volta de 10:21.8 segundos e vencer a prova em 1956 [1]. Foi na Sports Illustrated o condutor do ano em 1956 e 1957 [2].

Competiu na Fórmula Um de 1958 a 1959, participando de um total de oito corridas

Depois de aposentar a partir de condução, em Outubro de 1959 por razões de saúde [3], abriu uma escola de condução de alto desempenho e a Shelby-americana. Na fabrica projetou e construiu os famosos "Cobra" , que eram provenientes de um chassis AC e utilizavam motores Ford . Shelby passou a ajudar a criar algumas das mais bem sucedidos e belos carros da época: o GT40, a base de Mustang Shelby GT350 e Shelby GT500, e, evidentemente, a 427 Shelby Cobra. . Com a Ford, Shelby ajudou a desenvolver carros para a Dodge, e Oldsmobile. O mais memorável destes carros foi o Dodge Viper. Ele foi nomeado em "International Motorsports Hall of Fame, em 1991, e os Motorsports Hall of Fame da América em 1992


Na década de 1960, a FIA obrigou os construtores de automóveis (Shelby, Ford, Ferrari, etc) a produzir pelo menos 100 veículos homologados para a competição. Shelby simplesmente construí um número insuficiente de carros e pulado um grande bloco de números VIN, para criar a ilusão que a empresa tinha produzido um grande número de carros. Décadas depois, na década de 1990, Carroll alegou que ele tinha encontrado os quadros em falta, e começou a vender automóveis que supostamente tinha finalmente 'concluído'. Depois que foi descoberto os carros ftinham sido construídos de raiz, em colaboração com McCluskey, Ltd., foram re-denominados «continuation» Cobras. Os carros ainda são construídos actualmente com o codigo CSX4000 .
Em 2003, a Ford Motor Co. e Carroll Shelby juntaram-se novamente. Carroll Shelby tornou-se assessor técnico para o projecto Ford GT . Nesse mesmo ano, ele formou Carroll Shelby International Inc. com base em Nevada.

A miniatura é a replica deste carro de 1963 que correu nas 12 horas de Sebring por Dan Gurney , é da Box na escala 1/43 com algumas alterações e realces na pintura.

Sem comentários: