quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Motos: A Suzuki RGV 500 de Kevin Schwantz











Quem acompanhou o Campeonato GP 500 (hoje MotoGP) com as diabólicas motos com motores a 2 Tempos recorda sem dúvida as corridas épicas de Kevin Schwantz e o seu nº34

No final dos anos 80 e inicio dos anos 90 são recordados como das mais competitivas eras de Competição Grande Prémio com talentos com Rainey, Gardner, Mick Doohan, Eddie Lawson e Randy Mamola. Kevin estava frequentemente em desvantagem visto que a sua Suzuki nunca parecia tão rápida como as rivais Honda e Yamaha. A sua determinação de vencer a todo o custo resultava tanto número de vitórias como em quedas. É famosa a sua ultrapassagem a Rainey na última volta do GP de Alemanha em 1991 com pneu traseiro aos "esses" no limite do controle da moto que tipificava o seu estilo "do or die".

Venceu o campeonato Mundial de 500 cc em 1993 mas em 1994 teve inúmeras quedas que o debilitaram e o seu rival Rainey sofre também uma queda no GP de Itália que o deixa paralisado da cinta para baixo. Este e outros motivos levam que no inicio de 1995 se retire da competição motociclista.

Schwantz venceu 25 grande prémios que o tornou o segundo piloto americano mais bem sucedido atrás de Eddie Lawson. Num raro gesto de respeito o FIM retirou o nº34 da competição.
As miniaturas são da Onyx (com boneco) e Ixo Models.

3 comentários:

José António disse...

Lembro-me perfeitamente desses tempos. Apesar de não ser um fã de motociclismo, gostava do Kevin e do Randy Mamola.

José António disse...

Olá, novamente. Agradeço a passagem pelo blog.
No meu blog faço a distinção entre blogs e os blog sobre miniaturas, como o seu blog tem bastantes miniaturas vou mudar a ligação do RM Style para os blogs de miniaturas.

RM Style disse...

Caro José António
Agradeço desde já