quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Le Mans : Venturi 600 LM nº 30 1994

O Venturi a chegar às boxes









Com uma decoração realizada pelo artista Arman ,onde são visíveis todos os tipos de telhas fabricadas pelo patrocinador, este carro chamava a atenção pelo seu aspecto bizarro. O resultado não deixa de ser subjectivo...

O Venturi 600 LM que participou em 1994 era um carro francês com uma equipa totalmente francesa. O seu motor V6 tinha 2975 cc, biturbo Garrett e cerca de 570 cv o que o levava a atingir velocidades de ponta muito perto dos 350 km/h.

Este carro conduzido por J.-L.Maury-Laribière/H.Poulain/ B.Chauvin terminou a prova mas não se classificou por distancia insuficiente.

A miniatura é da Altaya (IXO) na escala 1/43 e está bem conseguida.
Nota:
Fotos : Le Mans History (ver link)
Texto : Altaya

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Rally de Portugal : Citroen C4 WRC (nº1) 2009





Esta é a réplica do Citroen C4 vencedor do Rally de Portugal em 2009 nas mãos Loeb e Elena. Mais uma excelente realização da IXO para a Altaya na escala 1/43.

domingo, 20 de setembro de 2009

Peugeot 504 Ambulance









A carrinha 505 da Peugeot teve várias facetas entre as quais o papel de ambulância. Este é a replica da francesa Solido na escala 1/43.

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Le Mans : Porsche 935 K3 (nº42) 1980

O Porsche em acção







O ano de 1980 seria o ano da vitória do Rondeau. Dos cinquenta e cinco automóveis inscritos na edição de 1980 das 24 Horas de Le Mans , vinte e quatro eram Porsche e, entre eles, contavam-se nada menos que dezasseis 935, dos quais onze eram versões K3.

A sigla deste modelo deve-se aos irmãos Kremer que o extrapolaram do 935 do qual era a terceira variante.

O Porche de T.Ikuzawa / R.Stommelen/ A.Plankenhorm do Grupo VI e com o nº 42 teve de abandonar com problemas de motor quando estava na sexta posição.

A miniatura da Altaya (feita pela IXO) é uma excelente réplica.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Mercedes 180 D (1954)










O 180D não tem nada a ver com os Power-Diesel actuais. O seu binário fraquinho de 101 Nm não pode de modo nenhum comparar-se aos blocos modernos que atingem os 300 Nm ou mais na bancada de medições.

A Daimler-Benz fez automóveis diesel económicos que, embora, no inicio não tenham sido utilizados comercialmente ou como táxis, nos anos 50 começaram a interessar cada vez mais a particulares, uma circunstancia que começou com a inutilizável série Ponton que tinha o motor do modelo anterior, o 170. Embora fosse pouco, os 40 cv bem puxados chegavam para fazer subidas a 90 ou 100 km/h em auto-estrada. Mas o que importava aos seus compradores era o baixo consumo do diesel e a sua fiabilidade.

A miniatura é mais um exemplar da Colecção Mercedes-Benz da Altaya na escala 1/43.

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Renault Super 5 GTL (1984)





A segunda geração do Renault 5 mais conhecida por Super 5 iniciou-se em 1984 e durou até 1996. Embora o Chassis e carroçaria fossem totalmente novos (baseado agora no 9/11), os traços da versão inicial mantiveram-se através do desenho de Marcello Gandini.
A versão GTL tinha um motor de 1397 cc com 67 cv de potencia.
A miniatura é da colecção Altaya na escala 1/43 e está bem conseguida.

Mercedes-Benz 220 SE Convertible (1958)








O Mercedes-Benz 220 SE Convertible conseguiu de uma forma muito particular conciliar, design, prestigio e utilização diária. O quatro lugares descapotável é seguramente o mais belo e mais invejável dos modelos Mercedes-Benz tipo Ponton .
Não são apenas as suas linhas ou o seu equipamento que despertam entusiasmo, é também a técnica desta jóia de classe superior.
Algumas celebridades sucumbiram ao charme do maravilhoso brilho cromado. Entre elas, contava-se a estrela de Fellini, Anita Ekberg, a mulher da fonte de Trevi em La Dolce Vita, e Theo Linger, um dos mais célebres cómicos alemães.
A miniatura pertence à colecção Mercedes-Benz da Altaya na escala 1/43 e como é visível nas fotos, com excelente qualidade.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Plymouth Fury (1963)



 




Este é Plymouth Fury feito pela inglesa Dinky Toys em 1963 na escala 1/43 . Na procura de uma foto para acompanhar a miniatura reparei que este modelo mudou bastante ao longo dos anos. Embora não estando irreprensível (falta o boneco e uma antena) é possível apreciar o pormenor da abertura do capot e motor

Ford Consul Cortina Super Estate (1963)









Um dos modelos emblemáticos da Ford aqui representados pela miniatura desenvolvida pela Corgi Toys na escala 1/43. Naquela altura o uso de madeira na carroçaria era um sinal de luxo.
Apesar dos longos anos a miniatura mostra algum pormenor.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Fiat 850 (1964)













O Fiat 850 foi o sucessor do bem sucedido modelo 600. O código interno da Fiat para o modelo 600 era "Projecto 100" e o do 850 era 100G (G de Grande em italiano). O motor era baseado no do 600 mas com a cilindrada aumentada para 843 c.c.

Este carro tinha um motor com a potencia de 34 cv e atingia cerca de 125 km/h.
A miniatura é da Politoys M na escala 1/43.